Project 365 – 027/365

Imagem

É como eu sempre digo: Não importa quantas vezes você assiste a um filme, cada vez que assistir, enxergará coisas totalmente novas, que não percebidas nas assistidas anteriores.

Aconteceu mais uma vez comigo, e por incrível que pareça, com o mesmo filme da outra vez. Última vez que resolvi assistir a De Volta Para o Futuro (a trilogia toda), me atentei a ficar contando quantos DeLoreans haviam simultaneamente em cada um dos anos pelos quais o personagem Marty McFly percorre durante a trama. Hoje resolvi assistir mais uma vez a trilogia, porém até agora só consegui assistir à parte 1. 

Num dado momento, logo no início, percebi algo estranho, sobre o qual a imagem acima tem tudo a ver. Não sei ao certo o quanto isso ficou evidente para quem assistiu ao filme, mas infelizmente demorei bastante tempo para perceber isso (afinal, não sei quantas vezes já vi este filme, e nunca havia percebido isto). No início do filme, o Dr. Brown liga para o Marty e combina com ele para se encontrarem lá no estacionamento do shopping às 1:15 da manhã. Claro que este horário não é tão levado a sério pelo Marty, porque, primeiro que ele dorme e quase se esquece de ir ao encontro, se não fosse o Dr. ligar para ele pegar a câmera em sua casa antes de ir ao estacionamento, e segundo que vemos pelo relógio digital do shopping que ele chega às 1:16 e não às 1:15, como o combinado, mas relevemos estes detalhes, não é tão importante assim. A história se desenrola, o Dr. apresenta a máquina do tempo ao Marty e eles fazem o teste com o Einstein lá (o cachorro do Dr.) e tal. No momento em que o Dr. resolve explicar como funciona o painel onde se configura a data de destino da máquina do tempo, ele dá os exemplos de data como a assinatura da carta de independência dos EUA e o nascimento de Cristo, e por último ele menciona a data de 05 de novembro de 1955, o dia em que ele teve a ideia sobre o capacitor de fluxo. Até aí ótimo. Então surgem os líbios, atiram no Dr. e perseguem o Marty, que, com a máquina do tempo, consegue viajar para a tal data de 05 de novembro de 1955. Ele surge lá na fazenda do cara (que eu não sei escrever o nome aqui) que cultivava os pinheiros e tal, aí ao sair da fazenda do cara, NOTEM QUE O DIA JÁ AMANHECEU. Foi aí que eu me perguntei: Ué, se eles estavam em 1985 por volta de 1:20 da manhã, o Marty fugiu e surge em 1955, não era para ele ter surgido às 1:20 também? 

Assisti ao filme todo com isso na cabeça, e precisei voltar à cena em que o Dr. mostra a máquina do tempo ao Marty e depois ele foge dos líbios, para tirar essa dúvida. Afinal, se eu não encontrasse nada que pudesse justificar esse “amanhecer repentino”, eu poderia alegar que o filme tem um erro de plot. Infelizmente (ou felizmente), este filme é o filme que eu considero mais perfeito de todos, em matéria de enredo. Em uma fração de segundos, a cena da qual eu tirei a foto da tv e postei aqui, mostra o porque amanhece tão depressa. Na verdade não amanhece depressa, mas sim o Marty saí de 1985 às 1:20 (mais ou menos) e chega em 1955 às 6:00 e alguma coisa, porque a cena corta exatamente depois deste take que eu tirei a foto, então só dá para ver que são 6 da manhã, POR ISSO DÁ A IMPRESSÃO DE AMANHECER RÁPIDO, mas não é o que acontece. 

Parece besteira, mas pra quem é realmente fã da série, perceber isso e cogitar a possibilidade de o enredo ter um erro de plot é sensacional. E o melhor, descobrir que não existe erro nenhum, que o enredo é meticulosamente amarrado para não deixar passar nenhum detalhe torna este filme o meu preferido dentre todos que existem neste mundo. E digo mais, isso foi feito em 1985. Um filme tão perfeito assim, em matéria de enredo, dos anos 80, é uma raridade, comparando com filmes atuais, que pecam na história e em pequenos detalhes como este. 

Para quem não viu a trilogia, eu recomendo, e muito! 

Agora vou lá ver os outros dois filmes da continuação. 

(:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s